Notícias

Voltar

Pinacoteca comemora conquista de novo prédio com evento gratuito dia 25 de janeiro

Pinacoteca de São Paulo oficializa dia 25 de janeiro a conquista do complexo arquitetônico onde funcionará a partir de 2018 a Pina Contemporânea, terceiro edifício da instituição voltado a exposições de obras das últimas décadas. A diretoria e o conselho da Pina estudam propostas inovadoras de ocupação para o espaço. “A ideia é que os artistas se aproximem do dia a dia do museu e que eles possam compartilhar experiências de forma inédita. Os planos são embrionários e estamos muito felizes com essa conquista”, disse Tadeu Chiarelli, diretor geral da Pinacoteca. 

Pinacoteca. Imagem: InfoArtSP

"Os museus funcionam com planejamento a longo prazo e, nesse sentido, a expansão da Pinacoteca para esse novo edifício é um projeto que geminamos agora para colher os benefícios mais adiante. É um passo importante na ampliação das possibilidades de acesso do público", afirma o Secretário da Cultura do Estado de São Paulo, José Roberto Sadek.

Esse novo espaço está localizado a 50 metros do edifício da Pina Luz, na Avenida Tiradentes, esquina com a Rua Ribeiro de Lima, em um terreno dentro do Parque da Luz cedido pelo Governo do Estado de São Paulo e que sediou até 2014 o Grupo Escolar Prudente de Moraes. Possui ao todo 6908 metros quadrados, com 3190 metros de área construída. O primeiro edifício que abrigou a escola foi projetado pelo Escritório Ramos de Azevedo, o mesmo que projetou os outros dois espaços da Pinacoteca. Incendiado em 1930 foi substituído, no ano de 1950, por um edifício projetado por Hélio Duarte, importante arquiteto modernista.

A expectativa é que a reforma do espaço, que não contempla nesse primeiro momento uma grande intervenção arquitetônica no complexo, comece ainda no primeiro semestre deste ano e que ele seja inaugurado em 2018. Para isso, deverão ser investidos cerca de R$ 5 milhões que serão captados junto à iniciativa privada.

Depois de aberta, a Pina Contemporânea será mantida pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo e administrada pela APAC (Associação Pinacoteca de Arte e Cultura), a mesma Organização Social responsável pela Pinacoteca – Luz e Estação e Memorial da Resistência. 

Evento
Saudando o bairro do Bom Retiro e para comemorar com a população esta importante conquista para da Pinacoteca, o museu organiza um evento público no dia 25 de janeiro no estacionamento da Pina Luz. Nesse dia a entrada do museu será gratuita e ele estará aberto até às 19 horas, uma hora além do habitual. Food trucks de pastel, churros, cachorro quente, sorvete, sucos e acarajé também estarão no local.

Um palco será montado para as apresentações musicais de grupos, todos do Bom Retiro, bairro onde estão localizados os três prédios da Pinacoteca de São Paulo.

A partir das 13h30 se apresenta a banda de percussão coreana Salmunori, que contará com a presença de 11 músicos. Às14h30 está agendada a apresentação do Bom Retiro e seus amigos, grupo de música com acordeon, piano, voz, clarinete, sax, flauta, bandolim, violino, guitarra, bateria, contrabaixo e percussão cujo repertório é baseado nas músicas tradicionais judaicas e ciganas.

Depois, às 16 horas, assume o palco um grupo de música e dança autóctone da Bolívia. O Samba do Bule, tradicional grupo paulistano, encerra o evento com uma roda de samba a partir das 17h30.