AGENDA DAS ARTES

Voltar

O tempo de Amyr Klink

Artistas: Amyr Klink

Curadoria: André Sturm e Marina Klink

De 10/12 a 15/1

MIS - Museu da Imagem e do Som Ver mapa

Endereço: Avenida Europa, 158 - Jardim Europa - São Paulo - SP CEP 01449-000

Telefone: (11) 2117-4777

Mostra apresenta fotos inéditas de grandes viagens, além de imagens pessoais que revelam o pioneirismo e engenhosidade nas empreitadas de um dos maiores velejadores do mundo

 

No próximo sábado, 10 de dezembro, o MIS, abre sua próxima exposição,O tempo de Amyr Klink. A mostra traz 41 fotos selecionadas por André Sturm, diretor executivo e curador geral do MIS, e por Marina Klink, fotógrafa e esposa de Amyr Klink . Às 17h, Amyr realiza uma palestra e, em seguida, autografa o livro Não há tempo a perder, um depoimento autobiográfico concedido à jornalista Isa Pessoa, que será lançado no MIS. 

Amyr Klink impôs desafios a si próprio que resultaram em viagens pelo mar ‒ muitas delas inéditas até os dias de hoje ‒ que o tornaram um dos mais originais e corajosos navegadores do mundo. De travessia solitária pelo Atlântico Sul em barco a remo, passando por longos trajetos realizados por meios inusitados como trike e wind car, a construções engenhosas de domos geodésicos, Amyr mostra que os limites do tempo e do espaço foram feitos para serem superados. 


Windcar, 1986. Crédito: Paul Gaiser

A exposição traz um olhar apurado sobre essa trajetória singular, por meio de fotos que integram o livro Não há tempo a perder e de outras inéditas que foram selecionadas especialmente para mostrar os longos caminhos já percorridos por Amyr Klink. Além de fotos da cocuradora, Marina Klink, a mostra cronológica conta com imagens feitas por pessoas próximas a Amyr, como seus pais, irmãos, grandes amigos e velejadores. 


Amyr Caminhando, 2010, Antártica. Crédito: Rogério Tomazela

“Desde o tempo em que os aparelhos de GPS, os laptops ou até mesmo a telefonia satelital portátil ainda não tinham sido inventados, Amyr ousa desafiar o impossível; empreende e constrói, em silêncio, não por títulos, medalhas ou recompensas de terceiros, mas simplesmente para ter, consigo, a certeza de ser capaz”, diz Marina. “Ao longo da organização desta mostra, por diversas vezes me surpreendi com esse homem geográfico, navegador solitário de oceanos, desertos e pranchetas, e criador de meios próprios para viajar. Também viajei por seus pensamentos enquanto descobria o navegador de transposições territoriais e interiores, em seus cálculos de precisões complexas”, complementa.

A exposição tem entrada gratuita e fica em cartaz no Foyer do Auditório MIS até o dia 15 de janeiro de 2017.

Sobre o livro Não há tempo a perder
Pouco sabemos da história do homem por trás do mito. O que se passa na mente de um navegador que já viajou por mais de 250 mil milhas, em mares revoltos e desafiadores do mundo, enfrentando o medo, a escassez, superando desafios e sempre seguindo adiante? O que ele poderia nos dizer?  O livro Não há tempo a perder (Editora Foz/Tordesilhas, 216 páginas) destrincha a pessoa de Amyr Klink – empresário, escritor, inventor, planejador – num relato autobiográfico, concedido à jornalista Isa Pessoa, de um dos homens mais inspiradores do nosso tempo. 

Em Não há tempo a perder, o maior navegador do Atlântico Sul evoca sua experiência de vida, lembrando de momentos difíceis que precisou enfrentar ou driblar, para realizar seus planos. Passando pela sua infância em Paraty, percorrendo a adolescência e revelando as vitórias e erros que já cometeu, Amyr garante que a pressão pode ser um estímulo para sobrevivermos. 

Sobre Amyr Klink
Formado em Economia pela USP, com pós-graduação em Administração de Empresas pela Universidade Mackenzie, Amyr Klink é considerado o maior navegador do Atlântico Sul. Construtor e comandante de embarcações, empresário dedicado ao mundo náutico, é autor de sete livros – entre eles o best-seller Cem dias entre céu e mar, que já vendeu mais de 600 mil exemplares. É também palestrante disputado, há 30 anos, com mais de 2500 palestras realizadas.

Serviço
O Tempo de Amyr Klink
Data 11 de dezembro de 2016 a 15 de janeiro de 2017
Abertura 10 de dezembro (sábado) às 16h; 17h palestra de Amyr Klink no Auditório MIS (retirada de senha com uma hora de antecedência na recepção do MIS); 18h Lançamento do livro Não há tempo a perder