AGENDA DAS ARTES

Voltar

IAC - 20 anos

Artistas: Vários

Curadoria: -

De 9/10 a 25/11

IAC - Instituto de Arte Contemporânea Ver mapa

Endereço: Rua Alvaro Alvim, 90 - Vila Mariana

Telefone: (11) 3255-2009

No dia 9 de outubro o IAC - Instituto de Arte Contemporânea realiza a exposição "IAC - 20 anos" como parte dos eventos comemorativos de seus 20 anos de atividades ininterruptas. A mostra apresenta um breve panorama do acervo dos artistas representados em sua coleção por meio de obras e documentos selecionados pelo curador Jacopo Crivelli. 


Estudo para retícula, sem data, Acervo Instituto de Arte Contemporânea.

A mostra apresenta ao público 158 peças, entre desenhos, projetos e obras que descortinam o raciocínio plástico e conceitual dos artistas Amilcar de Castro, Sergio Camargo, Willys de Castro, Sérvulo Esmeraldo, Lothar Charoux, Luis Sacilotto, Hermelindo Fiaminghi e Iole de Freitas – recém-incorporada ao acervo.

Além disso, a exposição permitirá ao público tomar contato com aspectos do trabalho desenvolvido no Instituto e suas características tão elaboradas. Os visitantes também conhecerão alguns princípios de preservação de acervo por meio do contato direto com os colaboradores do IAC. Nesse ponto da mostra, os interessados terão a oportunidade de conversar com a equipe em ação e esclarecer dúvidas ou eventuais curiosidades sobre o método de preservação ali desenvolvido. 


Sergio Camargo no processo de montagem de escultura Homenagem a Brancusi em Bordeaux, França, 1972, Acervo Instituto de Arte Contemporânea.

Além da sua preocupação com a documentação e a exposição, o IAC mantém  programas de Conservação Preventiva, de Ação Educativa e de Publicações. Por suas características únicas no cenário nacional, comemorar seus 20 anos torna-se um marco nos processos de preservação da memória da arte no país.

Sobre o IAC
O Instituto de Arte Contemporânea – IAC, entidade cultural sem fins lucrativos, foi criado em 1997 com a finalidade principal de preservar documentos e difundir a obra de artistas brasileiros de tendência construtiva. Os arquivos destes artistas, entre eles Willys de Castro, Sérgio Camargo, Amilcar de Castro (em parceria com o Instituto Amilcar de Castro), Sérvulo Esmeraldo, Luis Sacilotto, Lothar Charoux, Hermelindo Fiaminghi e, mais recentemente, Iole de Freitas têm na instituição um espaço próprio para a exposição e pesquisa com documentação arquivística, bibliográfica e museológica, armazenada em banco de dados específico.

O acervo com milhares de documentos é organizado, acondicionado e disponibilizado ao público por meio de seu banco de dados desenvolvido e gerenciado por seu Núcleo de Documentação e Pesquisa. Assim, podem ser usados em exposições internas ou cedidos a outras instituições, em publicações, em estudos e quaisquer outros usos de caráter cultural e/ou acadêmico.

O IAC pesquisa, coleta, organiza e disponibiliza quaisquer fontes de informação sobre os artistas relacionados em seu acervo e, através de uma interface online, permite que pesquisadores de qualquer parte do mundo acessem seu banco de dados. Promover ações educativas e intercâmbios culturais com museus e instituições com a mesma linguagem em outros países também estão entre os objetivos da instituição. Desde julho de 2011, o IACfunciona no primeiro andar do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo, na Vila Mariana.

Serviço:
Exposição: “IAC – 20 anos”
Data e Horário: 09 de outubro às 19h 
Em cartaz: até 25 de novembro
Horário de funcionamento: De segunda a sexta das 10h às 18h; Sábado, das 10h às 16h. Fecha domingo
Local: IAC – Instituto de Arte Contemporânea- Rua Dr. Álvaro Alvim, 76 - Vila Mariana
Entrada livre e gratuita.