AGENDA DAS ARTES

Voltar

A Biblioteca à Noite

Artistas: Alberto Manguel e Robert Lepage

Curadoria: -

De 3/10 a 10/2

Sesc Avenida Paulista Ver mapa

Endereço: Avenida Paulista, 119 - Bela Vista, São Paulo

Telefone: (11)3170-0800

De 3 de outubro de 2018 a 10 de fevereiro de 2019, o Sesc Avenida Paulista recebe uma exposição imersiva que oferece aos visitantes uma experiência ao mesmo tempo cenográfica e virtual, seguindo um roteiro de 10 bibliotecas, reais ou imaginárias, ao redor do mundo. Concebida pelo diretor canadense Robert Lepage e a Companhia Ex Machina, "A Biblioteca à Noite" foi inspirada no livro homônimo do escritor argentino Alberto Manguel, que também participou da concepção da mostra - uma verdadeira viagem de Sarajevo até a Cidade do México, passando pela mítica biblioteca de Alexandria até o fundo dos mares a bordo do Nautilus, das Vinte Mil Léguas Submarinas, de Júlio Verne. A entrada é livre e gratuita.

"A Biblioteca à Noite" permanece em cartaz até fevereiro de 2019. Foto: Cortesia Ex Machina.

O primeiro espaço é uma reprodução da biblioteca francesa do próprio Alberto Manguel, permitindo que o público adentre a seu universo enquanto se aclimata à relativa escuridão que caracteriza a exposição. A segunda sala, a floresta, é o coração da experiência imersiva. Ao percorrer o local repleto de árvores, o visitante contrasta o espaço com a ordem e o rigor que, em geral, caracterizam as bibliotecas. Neste local, usando óculos de vídeo tridimensional, o público é transportado para uma realidade virtual, explorando a tecnologia de imersão conhecida como 3D 360 ° VR.

Manguel, o escritor
Nascido em Buenos Aires no ano de 1948, o escritor Alberto Manguel viveu em Israel e no Taiti até se mudar para Toronto nos anos 1980, onde se tornou cidadão canadense. Manguel foi diretor da Biblioteca Nacional da Argentina, cargo ocupado anteriormente por Jorge Luis Borges. No livro “A Biblioteca à Noite”, o autor discute as dimensões filosóficas, lógicas, arquitetônicas ou sociais que fundamentam a existência de qualquer biblioteca.

“Como a memória, uma biblioteca funciona de maneira diferente à noite. Durante o dia, você tem a sensação que cada título é oferecido a você com equidade, democraticamente. Mas à noite, alguns volumes desaparecem enquanto outros se afirmam no halo de sua luz.” (Alberto Manguel)

A exposição foi inspirada na obra de mesmo nome de Manguel. Foto: Cortesia Ex Machina.

Lepage, o cenógrafo multiartista
Robert Lepage é artista multimídia e encenador premiado, fundador da Ex Machina, companhia de produção multidisciplinar com a qual realiza espetáculos teatrais, óperas, vídeos, filmes e projetos expositivos. Com a companhia, concebeu a exposição “A Biblioteca à Noite” em 2016, para celebrar o 10º aniversário da Biblioteca e Arquivos Nacionais de Quebec em janeiro de 2016. Em 2017, o trabalho é exibido na Biblioteca Nacional da França. Agora a exposição chega ao Brasil.

Durante essa passagem pelo país, o artista também apresentará o espetáculo 887, no Sesc Pinheiros, de 27 a 29/9. O trabalho propõe uma incursão no universo das memórias, questionando a relevância de certas lembranças. Consequentemente, o espetáculo trata também do esquecimento, do inconsciente, da memória que se desvanece com o tempo e cujos limites são compensados pelo armazenamento digital, montanhas de dados, memórias virtuais. Neste contexto sem precedentes, o teatro, esta arte calcada no exercício da memória, ainda é relevante?

Mergulhado num tom poético e narrativo, essas questões são destiladas em uma narrativa na qual Lepage revela ao espectador o sofrimento de um ator que - por definição, ou para sobreviver - deve lembrar não só do texto que tem a nos dizer, mas também do seu passado e da realidade histórica e social que molda sua identidade.

Ao todo são 10 bibliotecas representadas na mostra. Foto: Cortesia Ex Machina.

LISTA DAS BIBLIOTECAS DA EXPOSIÇÃO
Biblioteca da Abadia de Admont (Áustria); Templo de Hase-Dera (Japão); Biblioteca de Nautilus (da obra Vinte Mil Léguas Submarinas, de Verne); Biblioteca Nacional de Sarajevo (Bósnia e Herzegovina); Biblioteca de Alexandria (Egito); Biblioteca de Vasconcelos - Cidade do México (México); Biblioteca da Universidade de Copenhague (Dinamarca); Biblioteca do Parlamento de Ottawa (Canadá); Biblioteca de Sainte-Geneviève - Paris (França); Biblioteca do Congresso Americano - Washington (EUA).

A mostra foi concebida pelo diretor canadense Robert Lepage e a Companhia Ex Machina. Foto: Cortesia Ex Machina.

Serviço
Exposição: "A Biblioteca à Noite".
Datas e horários: De 3 de outubro de 2018 a 10 de fevereiro de 2019. De terças a sábados, das 10h30 às 21h; domingos e feriados, das 10h30 às 18h30.
Local: Sesc Avenida Paulista (Arte I - 5º andar) | Avenida Paulista, 119 - Bela Vista, São Paulo (estação Brigadeiro do Metrô).
Entrada gratuita (necessário reserva online antecipada). Classificação: 14 anos.